Tabu, de Miguel Gomes, venceu prémio de crítica em Berlim

Tabu, a longa-metragem de Miguel Gomes que teve estreia mundial no passado dia 14 de Fevereiro durante a sua exibição na selecção oficial do Festival de Cinema de Berlim, venceu o prémio Fipresci, uma distinção atribuída pela crítica especializada presente no prestigiado certame da capital alemã.

O Fipresci é um prémio atribuído à margem das competições do Festival de Berlim mas assume-se sempre como um prenúncio do que poderá ser a decisão final do júri quanto ao filme que levará para casa o Urso de Ouro, o principal galardão do festival.

Tabu tem estreia marcada para Portugal em Abril, conta com Ana Moreira, Carloto Cotta e Teresa Madruga nos principais papéis, está inteiramente rodado em preto e branco e conta a história de um amor louco vivido em África.

4 Comentários em “Tabu, de Miguel Gomes, venceu prémio de crítica em Berlim”

  1. Acabo de ler a muito boa critica do filme TABU no semanario alemao DIE ZEIT, gostava que o Miguel Gomes conheca aquela critica… no entanto nao tenho o endereco-email dele, voces sao capaz de lhe fazer conhecer a critica??? Aquele jornal e a critica de cinema e de “alto nivel” e muito considerado. Pode por acaso tambem consultar no Instituto Alemao de Lx
    Muito obrigafda, e no
    DIE ZEIT, 9, 2012, 23.2.2012
    DIE GANZE REALE UNWIRKLICHKEIT
    de Katja Nicodemus
    cumprimentos
    Dr. Ines Lehmann

  2. Ainda não vi, mas verei seguramente! Vi o “aquele querido mês de agosto” também do Miguel Gomes e é um dos melhores filmes que já vi.

    Vejam no meu blog o link para a excelente entrevista do Miguel Gomes à rtp2.

  3. Já vi o filme e recomendo! Escrevi esta breve crítica no meu blog (excerto):

    “Não gosto muito da ideia de quantificar o valor de um filme… por isso não sei se “Tabu” do português Miguel Gomes, terá 5 estrelas, 20 valores, ou qualquer outra quantificação. Sei apenas que se trata de cinema. Português. Do bom. Aliás, do muito bom.”

    🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.